Desde o início de suas gestões como prefeito de Bauru, Rodrigo Agostinho sempre fez questão de deixar bem claro que o seu compromisso é com a população. Ele conseguiu aumentar a receita do município, cobrando os grandes devedores, e diminuir o número de impostos cobrados dos bauruenses.

Para atender a tantas demandas importantes da população

e se manter na limitada capacidade de investimentos, melhorar a receita do município foi um passo fundamental. 

O desafio era conseguir aumentar a arrecadação, mas sem penalizar a população com novas taxas e impostos. Desafio proposto, objetivo atingido. Ao fim dos oito anos de mandato, Rodrigo atingiu um crescimento de 111,20% nas receitas totais do município. Em 2009 a receita era de R$362 milhões e saltou para R$768 milhões em 2016.

Simplificou a arrecadação

Além disso, Rodrigo simplificou a arrecadação. Dezenas de projetos interessantes surgiram e foram colocados em prática ao mesmo tempo em que o sistema era modernizado e a receita foi sendo aumentada. Uma dessas ações foi a implantação da TUFE (Taxa Única de Fiscalização de Estabelecimento), eliminando 12 taxas existentes até 2009..

ROD_economia_2

Administrar é saber ouvir

Durante os oito anos em que atuou como Prefeito da cidade de Bauru, Rodrigo implantou diversos programas, entre eles o orçamento participativo, o fortalecimento dos conselhos municipais e das associações de moradores, entre outros.

Gestão bem feita enxuga nos gastos públicos e gasta com o que beneficia a população

Veja mais